O papel da imprensa especializada na imagem e comercialização do meio de hospedagem

Agora falta pouco para o grande encontro do turismo e da hotelaria catarinense. O Encatho & Exprotel acontece de 09 a 11 de agosto, no CentroSul, em Florianópolis. Entre os assuntos que integram a programação do evento, estão vendas de hospedagem, potencialidades turísticas e manutenção na hotelaria.

No painel “O que é tendência na venda de hospedagem”, que acontece no dia 11, das 17h às 19h, o Jornalista e diretor da Revista Hotéis, Edgar J. Oliveira irá falar sobre “O papel da imprensa especializada na imagem e comercialização do meio de hospedagem”.

Os aplicativos são ferramentas imprescindíveis na hotelaria moderna, pois além da praticidade em colocar o empreendimento em evidência, são muitos eficientes para reservas ou para comunicação rápida. Segundo recente estudo da GBTA — Global Business Travel Association, 43% dos hóspedes utilizam o app para checar o status da reserva, 43% para gerir pontos e conta de programas de benefícios e 39% para fazer reservas. Clientes com menos de 34 anos preferem usar o app para saber mais informações sobre os serviços oferecidos pelo hotel, pedir comida pelo room service e entrar em contato com os colaboradores, apesar de nem todos aplicativos oferecerem esses recursos. O Brasil está acompanhando o ritmo de crescimento global. Atualmente, 25% das reservas realizadas globalmente são feitas via aplicativo.

Além de uma ferramenta de reservas, os aplicativos para a rede hoteleira precisam oferecer funcionalidades que englobem a consulta e a localização de serviços gerais, informações turísticas e opções de entretenimento próximas ao empreendimento, entre outros. Edgar irá mostrar que o hotel que souber trabalhar estas informações recebidas gratuitamente pelos hóspedes, pode oferecer atividades e serviços personalizados, de acordo com as necessidades e expectativas de cada um e, assim, gerar mais receita.

O especialista também vai citar cases de sucessos de alguns hotéis que criaram ferramentas nos apps para se relacionar com os hóspedes, criar mimos e comodidades. Um deles é o Concierge Online, em que o hóspede pode se relacionar com vários departamentos do hotel num simples toque no aplicativo. Edgar afirma que investir em um bom aplicativo custa em média R$ 15 mil, mas existem boas opções que são gratuitas e podem colaborar para quem quer iniciar e não dispõe de recursos. Outro serviço é o Chat online que permite que o visitante do site do hotel entre no aplicativo para escrever e conversar, em tempo real, com um atendente de reservas do hotel, tirando dúvidas sobre a hospedagem, preços, disponibilidades, entre outros questionamentos. Este é um pequeno resumo do que será debatido no painel que encerra a 30 edição do Encatho & Exprotel.

 

Edgar J. Oliveira

Edgar é formado em Jornalismo e possui especialização em marketing. Já trabalhou como Assessor de imprensa do grupo Votorantin; redator na Rádio Eldorado; Redator na agência Indiana Publicidade; Editor em veículos como Jornal da Liberdade, Revista Construtores, Revista Multivias; Revista Logivias, além de ter colaborado com artigos e entrevistas para vários veículos de comunicação. Em 2002 criou a Revista Hotéis, que em pouco tempo tornou-se a principal revista do setor hoteleiro no Brasil. Além disto, Edgar é o idealizador de vários eventos assinados pela Revista Hotéis, como o Troféu Fornecedor Destaque da Hotelaria, Fórum de Soluções Hoteleiras, Fórum de Segurança Hoteleira, entre outros.

 

Faça agora mesmo sua inscrição e garanta sua presença neste grande encontro da hotelaria catarinense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *